Brian Tittemore

Brian Tittemore Memorial Fund

História sobre a Criação do Fundo
Brian Douglas Tittemore morreu depois de uma breve, mas valente batalha contra o câncer, em 12 de dezembro, 2006, com 40 anos de idade. Embora sua vida tenha sida curta, Brian realizou mais que muitos outros que viveram mais tempo. Sua dedicação aos direitos humanos serve como inspiração para os que tiveram o privilégio de conhecê-lo e com ele trabalhar. Em reconhecimento à sua louvável contribuição profissional e seu apoio incondicional ao Washington College of Law, foi criado o "Fundo em Memória a Brian Tittemore", estabelecido como um legado a esse homem incrivelmente talentoso e generoso.


Sobre Brian
As relizações pessoais e profissionais de Brian, assim como os projetos nos quais ele participou e ajudou no WCL, compõem uma lista muito extensa, portanto citaremos alguns dos destaques. Trabalhou como Editor L.L.M. do American University Journal of International Law and Policy, como Editor de Artigos para o Human Rights Brief e como Dean’s Fellow (estagiário estudante) para nosso Centro de Direitos Humanos e Direito Humanitário. Com base em seu excelente desempenho acadêmico, recebeu, em 1995, o prêmio Waldemar Solf como mestrando de LL.M. de destaque excepcional. Após sua graduação, Brian trabalhou no Escritório de Pesquisa de Crimes de Guerra do WCL (WCRO) como profissional de pesquisa sênior, onde pesquisou e ajudou a escrever vários memoriais para o Procurador do Tribunal de Crimes de Guerra Internacionais para a antiga Iugoslávia e Ruanda. Quando seu contrato no WCRO terminou, em 1997, voltou para o Departamento de Justiça do Canadá.


Em 1999, Brian tornou-se o primeiro advogado Canadense a trabalhar na Comissão Interamericana de Direitos Humanos. Apesar de um cargo exigente na Comissão, escreveu regularmente artigos de primeira qualidade em uma variedade de assuntos de direito internacional que foram publicados em livros e revistas acadêmicas.


A conexão de Brian com a Academia e a Competição
Apesar de extremamente ocupado, Brian encountrou tempo para investir na educação de jovens ativistas e defensores de direitos humanos. Lecionou o curso de Direito Humanitário Internacional junto com o Professor Robert Goldman no Programa Especializado de Verão da Academia de Direitos Humanos e Direito Humanitário do WCL durante todos os verões entre 1999 a 2006. Brian escreveu o caso hipotético para a Competição de Julgamento Simulado do Sistema Interamericano de Direitos Humanos nos anos 2000 e 2005, tendo participado como um juiz em vários outros anos. Brian acreditava que a Competição estava tendo um grande impacto na vido dos estudantes que participavam e que esta era uma ferramenta preciosa para o desenvolvimento de futuros advogados de direitos humanos, assim como um meio de fortalecer o Sistema Interamericano.

A Competição de Julgamento Simulado do Sistema Interamericano de Direitos Humanos da Academia de Direitos Humanos e Direito Humanitário do Washington College of Law é a única competição trilingue – Inglês, Português e Espanhol – de juglamento simulado no mundo que é baseada no Sistema Interamericano de Direitos Humanos. Desde a criação da Competição, em 1996, milhares de advogados têm participado como estudantes oradores, orientadores, e juízes voluntários. Cada ano, estudantes disputam os méritos de um caso hipotético na perspectiva do Estado ou da Comissão Interamericana de Direitos Humanos. A Competição teve um impacto maior do que poderíamos ter imaginado e tornou-se um evento de renome mundial. Faculdades de Direito nas Américas criaram clínicas e cursos para capacitar seus alunos na prática de Direitos Humanos Internacionais. Além disso, a Competição melhorou a qualidade do ensino das Regras de Direito e Direitos Humanos das faculdades de direito da região.

 

Objetivo do Fundo
Dada a dedicação de Brian para o avanço de direitos humanos e seu trabalho com a Academia de Direitos Humanos e Direito Humanitário, sentimos que seria appropriado dedicar o fundo de doação em sua homenagem para continuar a promover os objetivos pelos quais dedicou grande parte de sua vida. A cada ano, os 4 (quatro) estudantes que chegam à Rodada final da Competição são tradicionalmente oferecidos um estágio na Corte Interamericana de Direitos Humanos ou na Comissão Interamericana de Direitos Humanos. Muitos desses estágios levam a um contratção de tempo integral e nos é dito, pelos advogados-sênior da Comissão e da Corte, que alguns de seus melhores jovens advogados foram os campeões ou vice-campeões da Competição. Infelizmente, devido ao fato de os estágios serem não remunerados, um bom número de estudantes foi incapaz de aproveitar essas oportunidades no passado.


Um dos objetivos do Fundo à Memória de Brian Tittemore é fornecer uma estipêndio para cada um dos quatro estudantes que aceitarem um estágio no Tribunal ou na Comissão, permitindo-lhes adquirir uma experiência valiosa para suas futuras carreiras em direitos humanos. Um outro objetivo do Fundo é patrocinar equipes de escolas nas áreas mais desfavorecidas do hemisfério, onde a formação jurídica em direitos humanos não está prontamente disponível. Os recursos arrecadados para este Fundo serão usados para intensificar e ampliar geograficamente o impacto duradouro da competição, cobrindo parte das despesas da mesma e garantindo sua longevidade.

Participação
Convidamos todos a fazerem uma contribuição para o Fundo à Memória de Brian Tittemore para os Direitos Humanos. Todas as contribuições serão accompanhadas por uma contribuição de valor idêntico oferecida pela Faculdade de Direito (WCL). Vários membros do corpo docente do WCL já prometeram doações para este Fundo, inclusive uma contribuição inicial substancial, e uma doação de valor idêntico,feita pela Faculdade de Direito, garantiu a criação do fundo. Você pode contribuir pela internet, por meio do site wcl.american.edu/alumni/giving.cfm. Se prefirir fazer uma doação em cheque, pedimos que envie-o diretamente para o Office of Annual Giving, Suite 373, 4801 Massachusetts Ave NW, Washington, DC 20016.

Se não puder fazer uma contribuição financeira neste momento, mas gostaria de desempenhar um papel no trabalho que Brian iniciou, entre em contato com os organizadores da Competição por email no iamoot@wcl.american.edu ou por telefone no 202-274-4215 para saber mais sobre oportunidades de voluntariado.


Esperamos que você se junte a nós nesta homenagem a Brian, que continuará seu legado de promoção dos direitos humanos e educação jurídica.