Caso Hipotético

A Competição é baseada num caso hipotético escrito por especialistas no Sistema Interamericano de Direitos Humanos e reflete uma questão atualmente debatida na região interamericana. O caso hipotético de 2015 irá focar no tema “Justiça Transicional, Direitos Humanos Internacional e Lei Humanitária”, e será escrito por Rodrigo Uprimny Yepes and Nelson Camilo Sanchez Leon. O caso hipotético será publicado no dia 10 de dezembro de 2014. A biografia de ambos os autores encontra-se abaixo:

O caso hipotético de 2015 está disponível aqui.

Rodrigo Uprimny Yepes

Advogado, Doutor em Políticas Econômicas pela Universidade de Amiens Picardie, DSU (mestrado) em Sociologia Jurídica pela Universidade de Paris II, e DEA (mestrado) em Sociologia Econômica do Atualmente tem exercido, na Universidade Nacional de Bogotá,  as funções de Diretor do Centro de Estudos do Direito, Justiça e Sociedade,  e de professor de direito constitucional, de direitos humanos e de teoria do Estado. É também  Diretor do programa de mestrado naquela universidade. Autor de inúmeros artigos sobre direitos humanos, direito constitucional, e dos antagonismos entre direito e economia, narcotráfico, administração da justiça, destacando-se entre eles: “ O Laboratório Colombiano: Narcotráfico e Administração da Justiça na Colômbia”’, “ Legitimidade e Conveniência do Controle Constitucional da Economia”, “Violência, Poder e Ação Coletiva: Uma Comparação entre Bolívia e Colômbia”, e “ Tribunal Constitucional e Emancipação Social na Colômbia”.   

Nelson Camilo Sánchez León

Nelson Camilo Sánchez León  é o coordenador de investigações  sobre justiça transicional no Centro de Estudos do Direito, Justiça e Sociedade – DEJUSTICIA, e é professor associado da Universidade Nacional da Colômbia. É advogado formado pela Universidade Nacional da Colômbia, e mestre em direito internacional (LL.M.) pela Universidade de Harvard. Foi um bolsista Romulo Gallegos na Comissão  Interamericana de Direitos Humanos em Washington,D.C. É pesquisador na Comissão de Justiça Colombiana (CCJ).    

 Tem se dedicado ao estudo de temas relacionados a justiça transicional, aos direitos humanos, ao conflito armado e aos direitos econômico, social e cultural.  Entre suas mais recentes publicações estão: “Justiça pela Paz: Crimes Atrozes, Direito à justiça e Paz Negociada” (2013), com co-autoria de Uprimny, R. e Sanchez, L.; “ Responsabilidade Corporativa, Reparação de Danos, e Justiça Distributiva em Sociedades Pós-Conflito”(2013) (en: Michalowski, S., Responsabilidade Corporativa no Contexto da Justiça Transicional); e “ Ação Judicial de Reparação de Danos no Contexto da Justiça Transicional” (2002) com co-autoria de A. Bolivar. 

 

Temas anteriores trataram de:

  • estado de emergência
  • liberdade de expressão
  • discriminação sexual e estupro
  • liberdade da imprensa
  • direito a vida
  • tortura
  • direito a um julgamento justo
  • sindicatos de trabalhadores
  • direitos indígenas
  • terrorismo
  • meio ambiente e direitos humanos
  • imigração
  • libertade de expressão

Autores anteriores incluíram:

  • Advogados da Comissão Interamericana de Direitos Humanos
  • Um antigo Relator de Direitos Indígenas para a OEA
  • Líderes de ONGs eminentes

Para ler casos de Competição anteriores, por favor visite a página de Competições Anteriores e clique no nome do caso que gostaria de ler.

OEA & Informações Relacionadas à OEA

Sites de Pesquisa